C
O
N
T
A
T
O
I
N
I
C
I
O



Minha expériença com Ayahuasca
Porque Ayahuasca?
As 10 anos da minha infança, descobreu que o meu pai nao era o meu pai.
A minha mae ja estava divorciada quando nasceu....
Ai me fez crer que o segundo marido dela era meu pai....
Essa mentira foi um choque grande e fiquei sem poder confiar em ninguem....
Para me o mundo inteiro era uma grande mentira...
Parei de falar com o padrastre, parei falar com a mae....
Aos 15 anos, sempre tinha vontade me suicidar....
Me casei, divorcei...casei de novo, divorcei...
Aos 38 anos...tentei muitas therapias, pnl, yoga, qigong, taichi, rebirth
Estudei astrologia...etc.....
E aos 40 anos tentei me matar com uma pistola........nao conseguiu...
Descobri pouco a pouco, que a minha parte inconsciente me protegeou...
Ai, fez novas terapias com psyquiatro.......
Sempre trabalhei muito......
Mas a minha vida estava triste, sem muita alegria....
So estava feliz quando tinha uma nova namorada.....
Mas a vontade me suicidar, sempre estava là na mente...pronta para resurgir de novo...
Algumas pessoas na França me aconselham ir na Amazonia participar numa cérimonia
de Ayahuasca ou com Iboga na Africa......Mas eu tinha muito medo de tudo isso.
Em 2012, eu fez um viaje no Brasil.....E em frente Piracanga , tomando um banho, eu foi a pouco
de afundar. Eu viu a minha morte chegar....fiquei deitado na agua, e depois meia hora,
uma onda me jogo de volta na praia.....
Foi a primeira vez que eu percebi nao ter realmente desejo morrer....
So tinha desejo mudar algo na minha vida, precisando ser mais feliz.
Entao pensei, o mar nao queria me afundar, entao ela nao vai me impedir atravessar o atlantico,
e vir aqui no Brasil, com meu veleiro.....
Foi isso que eu fez...Peguei o veleiro e o 24 de Maio 2012 cheguei aqui em frente o farol de Itacaré.

Fiquei morando no meio do Rio de Contas, começando conhecer esta cidade.......encontrei em Itacaré
um centro que fazia cérémonias de Ayahuasca, com um retiro de uma semana, com pratica de sonho dirigido, alimentaçao vegetariana.....
Eu queria mudar minha mente, fazer algo que poderia me ajudar ser feliz...
Queria me livrar do passado . Mas por isso sabia que precisava me lembrar de todas as memorias
escondidas na mente .
Escolhei esse lugar porque estava dirigido por uma psicologa.
Na primeira cerimonia, eu viu muitas imagems psicodelica...estava acordado, poderia abrir os olhos e ver normalmente, e voltar a fechar os olhos.....Nada mais....
A segunda cerimonia, viu de novo imagens psicodelica, e eu tinha certeza que poderia enviar mensagens mentais......Tinha vontade dançar, cantar, ser feliz...e estava feliz.....
A terceira cérimonia, eu vomitei muito, e apareceu lembrança da minha infança...Me lembrei quando perguntei minha mae "porque nao tem o mesmo nome do pai...??"
Eu me lembrei do sofrimento.....tinha impressao ter recebido uma palmada forte...
Depois, tinha o sentimento de confiança na vida, de bem estar, estava feliz.....
Assim foi esse primeiro retiro que me impressionou muito.
Encontrei outro lugar para participar com outras cérimonias de Ayahuasca....
Estava barato, em Serra Grande...Là participei de mas ou menos 30 cérimonias.
Estava um pequeno grupo, guiado por uma mulher. Os rituais estavam ligado ao catolicismo.
Neste lugar , participei de cérimonia commum, e talvez sozinho.
Em mais de seis meses, eu viu a deusa Mae, ou a representaçao simbolica dela....Uma vez eu coloquei a mao num corimao, e apareceu na minha mente todas as pessoas que ja passaram là , neste mesmo lugar.....Assim, entendeu que Ayahuasca ajuda a abrir a porta da memoria coletiva do mundo....
Em outras cérimonias, eu viu o espaço ao meu redor, cheio de linha, se cruzando no ar . No mesmo momento eu poderia ver o lugar, os arvores, os paredes.....Tudo estava la...como se fosse linhas de energia.... um grande "Hard Disco"...onde estava possivel buscar informaçoes.....
Mas eu nao conseguiu a chave de acesso....Isso nao sei.....
Fora das cérimonias, a minha mente sempre estava funcionnando muito....vendo tudo com novos pontos de vista.....è assim que pudia mudar uns pouco minhas escolha de vida, ou verificar que ja estava certo......
Aconteceu uma época, a cada cérimonias, eu ia vomitar quando a Silvia, a Guia, cantava uma cançao sobre a Santa Maria, para fechar a cérimonia....Ai, conseguiu entender que meu corpo estava exprimindo o rejeito dessa cançao, o rejeito dessa religiao.
Respeitando meu corpo, minha alma, nunca mais voltei nesse lugar .








EN-TETE DE PAGE

ZONE DE NAVIGATION

PIED DE PAGE